Painel Chile
Informe OPSA:







 

Argentina

Argentina

Argentina: Bertone vence segundo turno em Tierra del Fuego.
Bolívia

Bolívia

Bolivia: Morales promulga lei de conciliação e arbitragem e empresários prometem investimentos.
Brasil

Brasil

Brasil: Dilma faz primeira visita aos EUA após crise da espionagem.
Chile

Chile

Chile: Eyzaguirre é o novo ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República.
Colômbia

Colômbia

Colômbia: Santos recebe primeiro-ministro francês.
Equador

Equador

Equador: Manifestações contra políticas do governo continuam no país.
Paraguai

Paraguai

Paraguai: Campesinos voltam a ocupar terras em Curuguaty.
Peru

Peru

Peru: Primeiro Gabinete Binacional termina com apoio à causa marítima boliviana.
Uruguai

Uruguai

Uruguai: Mobilizações relembram os 42 anos do golpe militar.
Venezuela

Venezuela

Venezuela: Eleições parlamentares são marcadas para o dia 6 de dezembro.
Argentina
Bolívia
Brasil
Chile
Colômbia
Equador
Paraguai
Peru
Uruguai
Venezuela

 

 

fechar

Chile: Eyzaguirre é o novo ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República.

 

26/06 – A presidente do Chile, Michelle Bachelet, realizou duas novas mudanças ministeriais: o ex-ministro da Educação, Nicolás Eyzaguirre, irá substituir Patrícia Silva, do Partido Socialista, e assumir a Secretaria-Geral da Presidência da República, sendo substituído, no Ministério da Educação, por Adriana Delpiano. Tanto Eyzaguirre quando Delpiano são militantes do Partido Pela Democracia (PPD). As mudanças fazem parte de uma nova estratégia de Bachelet e de dirigentes da Nova Maioria, coalizão situacionista, que tem como objetivo retomar a popularidade de Bachelet e de seu governo, bem como o respaldo para a aprovação das reformas educacional e constitucional, principais propostas do programa político de Bachelet. Na ocasião, Bachelet nomeou também os novos subsecretários de Governo, Osvaldo Solto, do Partido Radical, e de Segurança Social, Julia Urquieta, do Partido Comunista. Com a nomeação, Eyzaguirre passa a integrar oficialmente o Comitê Político de Bachelet, uma vez que já vinha assistindo às suas reuniões periodicamente e possui estreita relação com Bachelet, sendo considerado o ministro mais próximo à presidente.